Cárie em implante. É possível?

Cárie em implante. É possível?

Quando você perde um ou mais dentes, pode substituí-lo por um implante dentário. Mas eles são suscetíveis aos mesmos problemas dos dentes naturais, incluindo cáries? Essa é uma dúvida muito comum de quem busca esse tipo de solução para restabelecer a saúde bucal e recuperar a autoestima.

O que é cárie?

A cárie é uma desmineralização que ocorre no esmalte, caracterizada pela perda de cálcio do dente. Quando comemos, as bactérias atuam em qualquer alimento restante que ainda esteja em nossa boca. Conforme o tempo vai passando e essas bactérias vão evoluindo, o esmalte (a camada externa do dente) pode ser atingido, o que causa o enfraquecimento do dente e pode levar a doenças bucais como a cárie.

As cáries podem afetar os implantes dentários?

A cárie não afeta os implantes dentários pois não são feitos de materiais orgânicos. O titânio das raízes e a porcelana (ou resina) das coroas são impermeáveis à ação das bactérias.
No entanto, você deve observar de perto os dentes permanentes para garantir que não haja o acúmulo de placa entre eles e, consequentemente, cárie. Portanto, é preciso realizar sempre a rotina de higiene bucal: escovar e passar fio dental regularmente, mesmo que esses dentes não possam ser afetados por bactérias. Além disso, esses cuidados também são importantes para garantir que o implante dentário dure por vários anos.

Agende já uma avaliação na clínica odontológica Sorria Bem!
Aqui contamos com profissionais capacitados para ajudar você!