Clareamento na ortodontia: antes ou depois do tratamento?

Clareamento na ortodontia: antes ou depois do tratamento?

Exibir um sorriso alinhado e branquinho é o sonho de muita gente. Assim, muitas pessoas que realizam o tratamento ortodôntico, para cuidar do posicionamento dos dentes, cogitam fazer também o clareamento dental.

Desse modo, ao finalizar o tratamento, estariam com o sorriso almejado. No entanto, é indicado fazer o procedimento para corrigir a tonalidade dos dentes durante o uso do aparelho? Ou é melhor realizá-lo depois?

POR QUE NÃO FAZER O CLAREAMENTO DURANTE O TRATAMENTO?

DESCOLAMENTO DOS BRAQUETES

O clareamento dentário é feito à base de peróxido de hidrogênio, que pode ser em gel, líquido ou creme. A substância penetra no esmalte dental, conseguindo, assim, alterar a coloração do dente.

Mas o agente clareador consegue também afetar a durabilidade das resinas que unem os braquetes do aparelho ao dente, o que significa que eles podem descolar. Isso prejudicará o tratamento ortodôntico, porque exigirá mais manutenções e ajustes.

DENTES COM DUAS TONALIDADES

Além do risco de descolamento dos braquetes, o clareamento dental realizado junto com o tratamento ortodôntico pode ter um resultado estético ruim após a retirada do aparelho.

Isso porque a substância clareadora só consegue agir a parte exposta do esmalte dental. Assim, a parte coberta pelo braquete não será clareada, e, quando a pessoa finalizar o tratamento, terá o dente manchado com quadradinhos mais amarelados ou escuros.

DENTES MAIS SENSÍVEIS

O agente clareador também pode deixar os dentes mais sensíveis, um desconforto a mais para quem usa aparelho ortodôntico. Imagine que, além da pressão do dispositivo, o paciente pode sentir dor com determinados alimentos e temperaturas de líquidos.

POR QUE NÃO FAZER ANTES?

Realizar o clareamento dental antes do tratamento ortodôntico também não é indicado. O procedimento para deixar os dentes mais brancos deve ser realizado de tempos em tempos porque o dente volta a ficar mais escuro pela alimentação.

Assim, a parte que ficará mais escura ou amarelada será somente a exposta, visto que a parte coberta com o braquete ficará mais clara porque não entrou em contato com os alimentos. Desse modo, quando o paciente retirar o aparelho, terá um quadradinho mais branco em todos os dentes, ou seja, a tonalidade do sorriso ficará irregular.

QUAL É A SOLUÇÃO?

A única alternativa para realizar o tratamento ortodôntico e o clareamento dental juntos é quando o paciente não utiliza o aparelho fixo, mas sim os alinhadores transparentes, que são removíveis.

Assim, para fazer o procedimento, ele retira o aparelho e terá todos os dentes expostos para a ação do agente clareador, conseguindo um resultado eficaz.

Agora você já sabe que a melhor opção é realizar o clareamento dental após finalizado o tratamento ortodôntico. Desse modo, você terá um resultado estético incrível, sem prejuízo da sua saúde bucal!

Agende já uma avaliação na clínica odontológica Sorria Bem!
Aqui contamos com profissionais capacitados para ajudar você!